terça-feira, 12 de abril de 2016

sexta-feira, 6 de julho de 2012

Bunda Robótica


Você já viu diversos tipos de robôs, não é mesmo? Réplicas humanas, animais mecânicos e até mesmo algumas invenções bem bizarras . Contudo, aposto que você nunca viu uma bunda robótica.Por mais absurdo que isso pareça ser, o conceito já existe e cientistas japoneses estão caminhando a passos largos para transformar essa bizarrice em realidade com o SHIRI — nome bastante digno, já que a palavra pode ser traduzida como “nádega” em japonês. Trata-se de uma réplica mecânica de um traseiro humano capaz de responder com movimentos a alguns estímulos.
Como essa história fica pior a cada tentativa de explicá-la, o criador do “robumbum”, Nobuhiro Takahashi, liberou um vídeo que mostra sua obra em ação. E é medonho.
Apesar de bem assustadora — os primeiros segundos já mostram a bunda se contraindo de maneira  realista —, a ideia é bastante válida. De acordo com Takahashi, a proposta é recriar o movimento do corpo humano em sua forma mais básica e sutil, criando uma nova tecnologia que pode deixar os robôs do futuro ainda mais próximos de uma pessoa de verdade. Tocou em um músculo artificial? Ele irá responder como um orgânico.
Para completar a bizarrice, o vídeo mostra um pouco da aplicação da bunda-robô. Além de cutucões e massagens, a SHIRI também reage a tapas, o que pode fazer dela uma ótima novidade no mercado de entretenimento adulto. Para finalizar, ela também demonstra felicidade ao balançar as nádegas de maneira rítmica.
Por outro lado, podemos ficar tranquilos em relação a uma possível rebelião das máquinas. Afinal, quem precisa temer robôs cujas emoções se originaram de uma bunda?